É quase 25 de Abril. Como se compreende, vou mas é para a rua, e não sei se consigo cá voltar antes disso.

Por isso este ano não há músicas de 25 de Abril, nem grandes posts. Quem quiser a “Grândola”, eu sugiro que a cante. Porque a “Grândola” é de todos, e nunca é demais cantá-la.

 

O 25 de Abril é para estar na rua!

Pela memória de tudo o tivemos que suportar antes, pela memória da madrugada mais bela. Mas sobretudo pelo futuro. Por todos os valores da Liberdade e para que eles se mantenham e melhorem sempre com cada nova geração. Porque para assegurar o futuro é preciso ter passado e não o esquecer nunca. E porque há frases que nunca estão datadas:

 

FASCISMO NUNCA MAIS

Anúncios