Assim sem mais provavelmente poucos saberão quem é. Então e assim?

Este concerto junta os contos do Terry Jones, a música contemporânea portuguesa do Luís Tinoco, o próprio Terry Jones ao vivo e a cores ali mesmo a cinco metros, uma orquestra a tocar (Metropolitana de Lisboa) e o público a rir.

Ah, pois é! Música contemporânea, tutti orquestral e o pessoal a rir que nem uns perdidos! Contado ninguém acredita…
Em Janeiro há novidades!

Anúncios