O que tinha a dizer sobre este assunto, está dito. Só posso repetir. A Europa já cá estava e nós, povos, também.
Esta gente (sócrates, cavacos, merkels, sarkozys, etc), enquanto governos, estão só de passagem. Enquanto cidadãos têm direito à opinião deles e a um voto como o resto de nós. E, pasme-se, até têm direito a um processo constituinte honesto para lhes estabelecer uma Constituição. Tal como nós.

Anúncios