You are currently browsing the tag archive for the ‘paraíso fiscal’ tag.

Faz favor de entrar. É à vontadinha.

Documentos, não precisamos de ver. Origem do dinheiro? Ó caro senhor, não vamos incomodá-lo com pormenores, longe de nós desconfiar de uma pessoa tão ilustre. (Deve ser ilustre, a ver pela gravata.)

Imagine lá, que este bando de preguiçosos que cá temos, prefere emigrar a trabalhar cá. E há montes de trabalho para fazer, mas veja só, querem cobrar por terem trabalho! Não é suficiente terem trabalho e a honra de pagar o IRS maior que vossas excelências? Dizem que estágios não remunerados não pode ser, porque têm que viver e pagar segurança social. E os que não emigram querem contratos e querem receber a horas, férias, tempos de descanso… um descalabro!

E depois vêm para aí outros, que não querem ir para resorts. Não querem pagar casas decentes, querem trabalhar, trazem filhos, ainda por cima são pretos ou brasileiros. Pagam logo, claro. E recebem menos que essa coisa horrível, essa invenção dos comunistas, o salário mínimo. Não é cá gente de categoria. Não, Sra. D. Isabel, claro que não me referia a si. Uma senhora assim é como se fosse branca.

De onde vossas senhorias trazem o dinheiro? Não se preocupe com explicações, para nós não é importante. Quisemos ser chiques, como a Holanda. Agora também já somos um paraíso.

Ai, é do trabalho? Que exótico! Está mesmo bem para um resort! Designer? Pois, mas não é como os de cá, uma porcaria. Esses trabalham à borla. Os arquitectos… olhe, para os arquitectos até arranjámos uma coisa muito gira, que são uns concursos em que o prémio é um estágio! E a gente fica com os direitos do projecto que eles fazem para o concurso. Não é o máximo? É uma excelente oportunidade, e sabe que os tipos refilaram?! Um bando de inergúmenos! E voltam com a conversa de terem que pagar segurança social e mais não sei o quê.

Se pagam? Pagam, claro. Pagam segurança social ou então são acusados de fraude e vão refilar com o guarda prisional.

Faz favor de entrar! Dinamizar a contrução de resorts. Isto é só um rectangulozinho, mas está cheio de paraísos para destruir! É só escolher.

Se pagamos lavagens portuguesas, porque não havemos de pagar lavagens estrangeiras?

Como passar de paraíso natural a paraíso fiscal num dia.

Anúncios

Auditoria

Que se lixe a troika